Secretária afirma que realmente está faltando material em postos de saúde

05 JUL 2018
05 de Julho de 2018

Na manhã desta quinta-feira (05), alguns moradores do distrito de Mapele, na zona rural do município de Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS) ameaçaram realizar uma manifestação em frente ao posto médico do bairro, para chamar a atenção das autoridades municipais para a falta de medicamentos e material de curativos na Unidade Básica de Saúde (UBS).

Em contato com a reportagem do Mapele News, a secretária de Saúde, Drª Maria Betânia voltou a afirmar que o pedido do material foi feito antes mesmo de começar a faltar, mas ainda por causa da greve dos caminhoneiros, realizada no último mês de maio, os fornecedores estão encontrando dificuldades para efetuar as entregas.

“Não tenho como debater isso que vocês estão falando, porque não é mentira. Os fornecedores estão me dizendo que estão com os pedidos de entrega em atraso. Se você chegar lá na Secretaria e o pedido não tiver em dia, aí a culpa é minha, mas todos os pedidos estão e dia, tudo a gente tem pedido antes de faltar”, explicou ela.

De acordo com a chefe da pasta, todos os pagamentos estão sendo feitos normalmente pela prefeitura aos fornecedores. Ela também se comprometeu em cobrar diretamente, ainda hoje a entrega dos materiais.

“Até mesmo os pagamentos estão em dia e minha parte está toda feita, agora, eu não tenho como fabricar isso. Mas hoje eu vou ligar de novo para cobrar, eu mesma vou ligar”, completou. Informações são do Mapele News.

Voltar

Desenvolvido por:  Priscila Grazielle